Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Chic'Ana

“Não posso mudar a direção do vento, mas posso ajustar as minhas velas para chegar sempre ao meu destino” by Jimmy Dean

Chic'Ana

“Não posso mudar a direção do vento, mas posso ajustar as minhas velas para chegar sempre ao meu destino” by Jimmy Dean

A natação e a maquilhagem

Há alguns anos que pratico natação e na natação não há grande volta a dar: o penteado é o mesmo para toda a gente – a touca. Depois há toda uma moda de fatos de banho e chinelos. É cada desfile naquele cais da piscina que mais parecem as audições para um concurso de modelos. A par desta realidade, existem três modalidades de rostos:

 

    a) os naturais, sem qualquer maquilhagem, e onde se inclui a maior parte da vertente masculina – sim, porque já encontrei homens maquilhados;

 

     b) os de maquilhagem à prova de água, que estão sempre impecáveis com as suas longas pestanas e sombras brilhantes que se refletem na água;

 

    c) e finalmente…. os de maquilhagem normal! Minhas senhoras e meus senhores, se querem evitar ataques cardíacos na piscina, já para não falar do rasto preto ou colorido que deixam na água, por favor, desmaquilhem-se antes…

 

Curso-Gratuito-de-Automaquiagem-Online-maquiagem-borrada.jpg

 

Quantos de vocês já se depararam com tal imagem? 

Agora imaginem que a pessoa quer conversar convosco e sorrir para vocês com aqueles olhos... Assustador!

As obras em Lisboa

Lisboa está num estado caótico. Não percebo o planeamento que estas obras têm e já me esforcei para tal, a sério que sim. Ora vamos lá por passos:

 

Passo nº1: Esburacar a cidade simultaneamente em diversos locais;

Passo nº2: Colocar blocos que desenham a solução futura, interrompendo estradas que se encontram circuláveis, mas que neste momento não o estão por causa dos blocos;

Passo nº3: Efetuar o processo de reconstrução propriamente dito.

 

São tantos locais, que acho que já se perdeu o fio à meada. Haveria algum problema se esta requalificação fosse faseada? Começar numa ponta e terminar na outra? Nem quero sequer imaginar como será agora com a chegada da chuva e do mau tempo.

 

Porque é que estou chateada? Ora vejamos o meu episódio para chegar ao trabalho na semana passada (e atenção, que eu utilizo com elevada frequência os transportes públicos):

07h15: Linha do metro interrompida, não se estima a duração da mesma que pode ser prolongada.

07h30: Voltar para trás, pedir boleia a colegas. Tentar entrar no Eixo N/S ou na segunda circular, que se encontram parados.

07h45: Ir por um dos atalhos e esperar que tudo corra pelo melhor.

08h10: Atalho congestionado, tentativa de rumar a uma estrada mais circulável.

08h20: Objetivo conseguido, estamos a andar alguns metros.

08h45: Andámos 2 metros, justificação – rebentou uma conduta de água e a estrada está cortada. (porque é que não ligámos o rádio mais cedo?)

09h00: Continuamos no mesmo local. Abandonar a viatura e o condutor e seguir em passo de corrida. Não adianta apanhar autocarros, pois o trânsito não circula.

09h45: Chegada ao trabalho.

 

Há alguém que me saiba indicar um prazo, uma estimativa para as obras estarem concluídas?

O-porquê-do-mau-humor-da-Zinza (1).jpg

Chicana Política

Está uma pessoa a jantar calmamente e a ver o noticiário quando o Jerónimo de Sousa se prepara para discursar. Ok, este assunto é para escutar, portanto, posso comer mais uma colherada de sopa. Até que oiço:

 

PCP diz que não dá para "peditório" da "chicana política"

 

Engasguei-me, e pensei que não poderia ter ouvido bem.. Mas não! Lá estava em letras garrafais! Chicana Política?

 

Analisando esta noticia ao pormenor só me salta uma interpretação à mente: Jerónimo de Sousa consulta a Chic' Ana com frequência, tanta, que até usa o meu nome misturado com os temas políticos. 

Será que pensou que eu estava a efetuar um peditório para ter o Mercedes e decidiu insurgir-se contra mim? Assim em direto para todo o país??

 

Será que vou ter visibilidade internacional e a Mercedes me vai conceder um modelito para experimentar e ser a sua cara em Portugal? Uma coisa vos garanto, se o Mercedes sobreviver a mim, sobrevive a qualquer coisa!

 

Bom, sonhos à parte, eis que surge o M que vai investigar o que significa chicana.

 

M: Tu já sabias o que significava chicana?

Chic' Ana: Não faço a mínima ideia, nem sabia que existia tal palavra!

 

Chicana: Dificuldade criada pela apresentação de um argumento com base em um detalhe ou ponto irrelevante; 

 

M: Escolheste na perfeição. Tu realmente só crias dificuldades tendo por base algo irrelevante, um pequeno detalhe que aos outros passa despercebido. Queres um exemplo? Ias avariando o aspirador porque avistaste um simples cabelo inofensivo na banheira.

 

E pronto, toma lá que ele ainda não se esqueceu de tal coisa!

  

Vocês já sabiam disto e ninguém me disse nada?! A humanidade está perdida.. Deixam-me andar por aí com um nome destes! Auto intitulei-me de dificuldade!!

post111.jpg

Uma situação insólita

Ontem foi dia dos namorados, e desta vez não tinha qualquer ideia do que oferecer ao M. Sexta-feira à tarde, estava a pensar fazer alguma coisa e ia abstraída nos meus pensamentos quando passo por uma loja toda vermelhinha e enfeitada. Porque não entrar? Pensei eu.. e lá fui..

 

No interior da loja vi-me completamente perdida no meio de tantos peluches e corações, olhava para todo o lado e nada me agradava, até que  houve uma secção que me chamou a atenção de forma particular - a parte dos doces – aquilo eram chupas em forma de corações, com açúcar, sem açúcar, rebuçados com corações, gomas de todas as formas e feitios, chocolates, às tantas já tinha uns quantos pacotes nas mãos, sem mais espaço para nada, até que vem uma senhora muito gentil ajudar-me e dar-me um cesto para eu ir colocando os produtos.

Lembrei-me que a minha mãe também não tinha comprado nada e telefonei-lhe a perguntar se queria que eu levasse alguma coisa. Depois comecei a pensar que os rebuçados eram um miminho engraçado para outras pessoas e se era dia de espalhar o amor, porque não o fazer?

 

Conclusão, cheguei à caixa e era só tirar supostas prendas do cesto. Até que a senhora começa a olhar muito para mim, e eu, com a minha grande boca e mania de fazer conversa por tudo e por nada, começo:

 

Chic’ Ana: São muitas coisas, mas não é tudo para a mesma pessoa!

Senhora: Esteja descansada que eu não julgo.

Chic’ Ana:  Não, não, não me consegui explicar. O que eu queria dizer é que não é tudo para o namorado!

Senhora:

Chic’ Ana: É para namorados diferentes .. e também para amigas (acrescentei muito rapidamente).

Senhora:  (cada vez mais indignada)

Chic’ Ana: Bom, vamos lá ver se me faço entender.. é de mim para namorado, de mim para amigas, de mãe para namorado.

Bom, deixe estar, são 16€ não é? (paguei rapidamente e ainda a ouvi a murmurar quando saí..)

Senhora: Isto é com cada uma, agora chamam-lhe amigas.. É assim que são apanhadas!

 

Saí tão rápido que fiquei à chuva no meio da rua sem qualquer reação, com um saco cheio de doces, até que comecei novamente a carburar e penso: ao menos tenho os chocolates para afogar as mágoas!

 

Bem que lhe podia dizer que o namorado se conquista pelo estômago, mas na altura não me saiu nada tal era a cara de espanto da senhora!

Zinza-pos-dia-dos-namorados-e1307988330823.jpg

 

Mensagem enganada

Adoro as manhãs calmas e tranquilas, em que me consigo sentar num transporte público sem grandes confusões! Tenho tempo para quase tudo até chegar ao destino: tempo para ler um livro, para observar em redor, para respirar o ar fresquinho.

Só que hoje a manhã foi diferente: terminei um livro ontem, e com a pressa em sair de casa de manhã, esqueci-me completamente de um novo livro, portanto o que fazer? Peguei no telemóvel e comecei a dar a volta a mensagens antigas, a limpar aquelas que já tinha lido e que não eram necessárias.

Finalmente chego ás mensagens de Natal e de Ano Novo, e começo a ler com um sorriso no rosto, até que este desaparece subitamente, começo a ficar séria e a mudar ligeiramente de cor, até ficar completamente corada..

Obrigada, um feliz Ano Novo, que seja repleto de muitas surpresas e felicidade, saúde e muita alergia..

 

Alergia??? Desejei um novo ano com muita alergia? Ainda por cima consegui contrariar-me numa curta distância de duas palavras! Caramba... Imagino o que o destinatário deve ter pensado: "Esta gosta muito de mim, gosta!" E por acaso até gosto!! Era alegria, alegria... O r é que decidiu mudar de sitio sem autorização!

 

Acidentes com telemóveis.. Quem é que não os teve já?

boneco-de-neve-do-telefone-celular-40498232.jpgboneco-de-neve-do-telefone-celular-40498232.jpg

 

 

Conversas Indiscretas

Decididamente sabes que ocorreu uma mudança contigo quando vês duas colegas a segredar mesmo à tua frente, a olhar para ti tentando ser discretas, mas como não está mais ninguém na sala é impossível não deixar de reparar nos seus olhares e também no seu discurso:

Colega A: Já viste que a Ana hoje está com um semblante muito mais carregado?

Colega B: Pois é, pode estar com algum problema em casa.

Colega A: Ou então poderá estar somente "naquela" altura do mês mais complicada.

Colega B: Não, acho que deve ser pior do que isso. Por vezes as pessoas têm problemas pessoais que nós nem sequer imaginamos...

 

Eu já farta de as ouvir e antes que me atribuíssem uma doença terminal decidi intervir:

Chic' Ana: Realmente estou não com um problema, mas com dois, e não sei qual dos dois me afeta mais.

 (Elas aproximam-se imediatamente, convidando ao desabafo)

Chic' Ana: Imaginem lá, em primeiro lugar, estou com uns sapatos novos que me ofereceram, mas que infelizmente estão um pouco apertados. Em segundo lugar, acho que o meu dente do siso está a continuar o seu crescimento. Duas dores bastante fortes e não sei como as resolver...

 

Rapidamente se desinteressaram e seguiram para os seus lugares respetivos!

sapatos.bmp