Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Chic'Ana

“Não posso mudar a direção do vento, mas posso ajustar as minhas velas para chegar sempre ao meu destino” by Jimmy Dean

Chic'Ana

“Não posso mudar a direção do vento, mas posso ajustar as minhas velas para chegar sempre ao meu destino” by Jimmy Dean

A memória de grávida

Andava eu feliz e contente da vida que, distraída como sou, ainda não tinha tido nenhum episódio digno de registo quanto a esquecimentos e falhas de memória típicos da gravidez... Até ontem!

 

A pequenita anda ansiosa para conhecer o mundo, mexe e remexe, 24h/dia, é impressionante, e sim, estive a noite TODA acordada e ela não parou um segundo! Consequência deste mau dormir, andei feita zombie o dia inteiro.

 

  • Arrumei o abacaxi no caixote do lixo;
  • Arrumei roupa no frigorífico;
  • Arrumei produtos de higiene no balde da despensa;

Bom, pelo menos a veia de arrumar coisas continua activa...

  • E finalmente quando ia a passar a sopa, fiquei a 1 milímetro de estragar a varinha mágica, porquê? Porque me esqueci da parte mais importante.. Felizmente que esta não estava tão pesada como o habitual e houve algo que fez o clique!

DSC_0251.JPG

 

De seguida, sentei-me no sofá de pés e mãos atadas para não provocar qualquer caos no apartamento, e assim fiquei, feita estátua o resto do dia, imóvel, só com a barriga a bambolear de um lado para o outro...

Atualização de estado..

O que eu sonho para as minhas noites...

urso dorminhoco.jpg

 

O que realmente acontece: uma rambóia na barriga! "Party all night long"

 

urso polar.jpg

 

Qualquer sítio ao longo do dia serve para isto...

 

ae3bc8aabd5c191e2cb80d992e41ff3a.jpg

 

 Oh Não! Adormeci outra vez.. toda torta! E o ciclo recomeça..

images (2).jpg

 

Manter o blog com posts diários tem sido bastante complicado, pelo que vou reduzir para 3 posts por semana ou os que conseguir fazer, sem promessas! Fica a promessa sim, que venho aqui sempre que conseguir e claro que vos acompanharei!

 

As noites mal dormidas

Já tinha ouvido falar que as noites mal dormidas seriam uma realidade, mas ainda não tinha sido atingida pelas mesmas.

 

Este fim de semana foi para esquecer.. Não tinha posição para nada:

- dormir de barriga para baixo está fora de questão, não funciona, desde as primeiras semanas;

- dormir para o lado direito não é aconselhado;

- dormir de barriga para cima a partir das 30 semanas, no meu caso, foi inconcebível, a bebé já estava pesada e eu acordava cheia de falta de ar por causa da pressão nos pulmões.

 

O que resta? Dormir para o lado esquerdo. Experimentei a técnica da almofada, quer entre as pernas (estabiliza a coluna), quer para apoiar a barriga! Descoberta de ambas as noites: Conhecem a história da princesa e da ervilha?! Em que uma princesa é de sangue real se detetar a presença de uma ervilha debaixo de imensos colchões?

 

Pois bem, a minha Little B é uma princesa: detetou que existia ali uma presença estranha e toca de pontapear a almofada TODA a noite! TODA a noite... Mudei a almofada de sítio e ela continuou a perseguir a almofada e a pontapear a mesma, até eu desistir de a utilizar..

Não, não queria acreditar que isto pudesse ser mesmo assim e na segunda noite voltei a insistir.. afinal a mãe é que manda, certo?! ERRADO!

 

bbpagao0014.jpg

 

Já participaram no passatempo? É hoje o último dia!

Apetite fora do normal? Solução à vista!

Uma das características inerentes à gravidez é o aumento de apetite que temos. É um pouquinho acima do normal, embora não tenha aumentado drasticamente, nem aumentado muito a quantidade de alimentos ingeridos..

 

Mas, por vezes, a meio da manhã ou da tarde, temos uma fominha repentina e tem de ser satisfeita, eu tenho recorrido a snacks como fruta ou cenoura, por vezes umas bolachinhas. Contudo, ontem, numa ida à despensa, avistei um pacote de batatas fritas, na última prateleira, fora do meu alcance, sim, porque subir a cadeiras ou escadotes já é um pouquinho complicado..

 

batata.bmp

 

Ora, aquele pacote tinha mesmo bom aspecto e tinha sido colocado pelo M lá em cima para não ceder à tentação.. mas.. ele não estava em casa e apetecia-me mesmo uma batatinha (já se sabe que o fruto proíbido é sempre o mais apetecido!).

 

Toca de começar a saltar para tentar alcançar o pacote. Nada! Ao fim de 3 ou 4 saltos já estava cansada. Fui buscar a esfregona e com o cabo tentei empurrar o mesmo para baixo. CONSEGUI! O pacote aí vinha, mas os meus reflexos já não são o que eram e levei com o pacote em cheio na cara.

Fiquei tão irritada com o mesmo, que em vez de comer as batatas, atirei-o novamente para o sítio em que ele estava.

 

Ao jantar..

M: O que tens no lábio?

Chic' Ana: Eu? Nada!

M: Tens, tens! Um arranhão ou uma ferida pequenina...

Chic' Ana: Ah, sim, posso ter levado acidentalmente com algo na cara!

M: Hum?

Chic' Ana: Sim, (passado um pouco..) colocaste o pacote das batatas na última prateleira, eu não o conseguia alcançar, e no meio da confusão ele caiu-me em cima! Mas descansa que não as comi, fiquei de tal forma irritada que o voltei a colocar no sítio.

M

 

Sabem a sensação de euforia e contentamento de conseguirem alcançar o objeto tão desejado? Tal e qual a imagem, foi como me senti com o pacote das batatas fritas. 

images (1).jpg

O quartinho

Faltam pouquinhas semanas para conhecer a Little B, a ansiedade já aperta, está presente em todo o lado: Será que já temos tudo organizado? Será que falta alguma coisa fundamental?

Temos seguido várias listas de produtos essenciais e temos contado com apoio de pessoas bem mais experientes que nos têm tranquilizado, contudo, há sempre aquele nervoso miudinho..

 

Hoje decidi partilhar convosco algumas imagens que nos têm preenchido os dias: 

DSC01715.JPG

O detalhe da árvore, uma cerejeira em flor que foi pintada pela K, obrigada, realmente nunca me canso de te elogiar, porque faltam palavras para descrever o quão talentosa és. 

DSC01716.JPG

 

A cómoda da nossa princesinha que já conta com algumas roupinhas: 

cómoda.bmp

Obrigada mãe por seres um apoio constante nesta caminhada e por toda a magia que fizeste com simples tecidos (candeeiro, colchas, almofadas e peluches, cortesia da minha mãe). 

 

Obrigada a todos os que contribuíram, embelezaram e fazem este percurso connosco, muitas delas bloggers, que hoje em dia são amigas, muito importantes e que têm um lugar muito especial no meu coração! OBRIGADA!

Uma grávida e um crocodilo

Eu bem que vos prometi que iria contar uma das peripécias mais engraçadas que me aconteceu e aqui está ela, acabou por ser também dolorosa.. mas.. vamos ao relato!

 

Chegados ao apartamento das férias, a primeira coisa que eu descobri foi um crocodilo em formato boia, e eu, como eterna criança que se recusa a crescer, não descansei enquanto não levei a mesma para o mar!

Todos me disseram para ter cuidado, mas qual quê, afinal a barriga dentro de água pesa muito pouco e havia momentos em que me esquecia completamente que estava grávida.

 

Apesar de eu me esquecer da barriga, ela existia, e portanto, toda a minha zona de equilíbrio estava comprometida. Não me conseguia colocar em cima do crocodilo por nada, cambalhota para aqui, para ali, cai aqui, cai ali.. uma desgraça!

 

20916664_1448478225220926_1629168046_n.jpg

 

Com tantas cambalhotas que dei, a pequenita deve ter colocado o pé num local proibido, que é como quem diz, deve ter colocado qualquer coisa a fazer pressão nos meus tendões ou em qualquer outro local, que quando saí de dentro de água, comecei com dores tão fortes que mal conseguia andar... Conclusão: Noite passada nas urgências, uma bela injeção no rabiosque para aprender a estar quieta, com um relaxante muscular, muito descanso, e felizmente no dia seguinte estava pronta para outra!

 

Escusado será dizer que o crocodilo nunca mais saiu do sítio original. Grávidas, não se esqueçam que apesar de dentro de água a barriga não pesar, ela continua a existir!

 

giro-da-morte.jpg

 

Aviso!

Hoje estarei ausente, tentarei desesperadamente procurar o meu novo tutu para a praia!

 

images.jpg

... Enquanto tento convencer a minha irmã que qualquer coisa parecida com a imagem abaixo é muito má ideia!

12-Pregnanant-Belly-Bump-Makeup-Beach-ball.jpg

 

Para além disso ainda tenho uma lista de coisas a tratar:

a) Ultimar preparativos para o BabyShower;

b) Comprar o que necessito para a mala da maternidade para mim e para a pequenita;

c) Fazer uma lista com tudo o que necessito de tratar antes e depois do nascimento...

 

De forma a que amanhã estarei de volta e com uma história, bem... aguardem para ler! 

 

Por falar em praia, verão e viagens, hoje sou a convidada da nossa querida C.S, na sua rubrica "Às quintas viajamos", querem saber o destino da minha lua de mel? Passem por lá!

 

Já participaram no passatempo delicioso?

 

A procura do biquíni perfeito

Dia 16 de Junho de 2016, escrevia este post:

 

"Ontem comecei a minha procura pelo biquíni ideal. Digo-vos que foi uma procura um pouco estranha e voltei de mãos a abanar.

(....)

 

Começo por experimentar um deles, ficava muito bem na parte de baixo, a parte de cima era um descalabro, ora ficava curta demais, ora ficava grande demais. Desisti rapidamente deste formato e passei para o seguinte.

Comecei desta vez pela parte de cima e acertei em cheio, conseguia mexer-me muito bem, sem ficar largo nem apertado. Conseguia fazer acrobacias sem ficar com nada de fora. Perfeito! Biquíni encontrado… até experimentar a parte de baixo, que era mini, mini, mini… Não me sentia nada bem com aquilo. Desisti..

 

Experimentei mais uns quantos modelos e todos eles com algum defeito… O que fazer? Vou com um biquíni com desenhos em amarelo e preto na parte de cima e vermelho às cerejas na parte de baixo? É que estes dois sem dúvida que eram os que assentavam mesmo bem!

 

Tenho um corpo mesmo desproporcional, bem que desconfiava de quando me chamavam de sereia, afinal está explicado: metade mulher, metade baleia! Sendo que as metades vão rodando entre si…"

 

Vi-me grega para encontrar um biquíni que me ficasse minimamente bem... Agora estou com uma barriga de 7 meses, mais 12Kg que o ano passado!!! Estou a pensar seriamente em colocar uns dias de férias só para procurar o traje que irei desfilar por esses areais fora...

 

Agora sem brincadeiras... Conhecem alguma loja que venda fatos de banho ou biquínis para grávida que sejam bonitos, sem que me façam parecer um saco de batatas?!

 

12424377_171068249917324_830910911_n.jpg

Teste da Glicemia

Este sábado fui fazer o teste da glicose ou teste da glicemia, este teste é importante para o despiste por exemplo dos diabates gestacionais, que "incomodam" mais grávidas do que eu imaginava.

 

O teste consiste então numa recolha de sangue para se avaliar a grau de glicemia em três momentos:

 

  • Primeira recolha de sangue em jejum - Após esta recolha, somos convidadas a beber uma espécie de sumo, de laranja ou limão, sinceramente nem percebi bem de que sabor era (eu que sou gulosa, achei que aquilo era uma "bomba" de açúcar), contendo 75 gramas de glicose. No fundo, o equivalente a uma garrafinha de um qualquer refrigerante, mas super, super doce. Tive de beber até à última gota supervisionada pelo enfermeiro;
  • Segunda recolha de sangue passada 1hora - Digo-vos que esta hora é a pior: a tensão desce ainda mais, porque não podem ingerir qualquer alimento, a ansiedade começa a trabalhar por se ouvirem tantas histórias em que o teste corre mal, e claro, a bebé começa aos pontapés porque quer comidinha e nada de lha podermos dar. Quase que ouvimos o movimento dos ponteiros do relógio;
  • Terceira recolha de sangue após 2 horas da ingestão do xarope- Quando chega a este ponto só apetece fazer uma festa, pois conseguimos superar o tão temido teste. (Nesta altura, eu disse ao enfermeiro "olhe, mesmo que eu caia neste instante para o lado, por favor, tire-me o sangue para não ter de voltar a repetir tudo!")

 

Se foi difícil? Sem qualquer dúvida, ficamos mal dispostas, sentimos que podemos desmaiar a qualquer momento e que a tensão deve estar baixinha, baixinha.. O truque? Ficar o mais sossegada possível, se houver local  para se deitarem, ótimo, aproveitem. Eu levei um livro para estar entretida e após 5 páginas as letras fugiam por todo o lado, a solução foi mesmo encostar-me na cadeira, fechar os olhos e esperar que o tempo, que parece eterno, não demore a passar.

 

Teste superado! Agora é esperar os resultados..

19318306_dBAEv.jpeg

 

Sabes que a barriga já pesa quando...

Ontem à noite, estava a abrir os suplementos que tenho de tomar para a gravidez, quando me cortei num comprimido (ainda estou para saber como consegui tal proeza), ora, um golpe daqueles super fininhos, mas que incomodam e deitam sangue por todo o lado.

 

Dirigi-me à casa de banho e vi que os pensos se encontravam no armário, na última prateleira do mesmo, não os conseguindo alcançar sem me sentar no chão. Assim foi, com a minha grande barriguinha, sentei-me no chão, retirei os pensos, arrumei tudo e toca de me levantar.

 

O insólito da situação?! Demorei tanto tempo a levantar-me que o sangue estancou. Já em pé, olho para o penso na mão, novamente para a prateleira, e decidi que o melhor a fazer era procurar um lugar alternativo (Escondi-o debaixo de um prato que se encontra a enfeitar o móvel da entrada, pareceu-me o local indicado caso surja alguma urgência).

 

É oficial, já estou mesmo com uma forma bem redondinha!

 

18723402_1921346508114260_4141615389912072192_n.jpg