Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Chic'Ana

“Não posso mudar a direção do vento, mas posso ajustar as minhas velas para chegar sempre ao meu destino” by Jimmy Dean

Chic'Ana

“Não posso mudar a direção do vento, mas posso ajustar as minhas velas para chegar sempre ao meu destino” by Jimmy Dean

Galerias Romanas de Lisboa

Consegui um dos dificílimos convites para se visitarem as Galerias, e valeu a pena! Era algo que vinha a despertar a minha curiosidade ao longo do tempo, nem que fosse pela entrada tão insólita, no meio da rua, mais propriamente, no meio da estrada, onde passam os carros.

Uma entrada similar a uma entrada de esgoto, com umas escadas íngremes e finíssimas.

 

entrada.jpg

  

É incrível saber a quantidade de história mesmo por baixo dos nossos pés, é quase como se voltássemos atrás no tempo. As galerias só foram descobertas devido ao tremor de terra que abalou Lisboa e ajudou a compreender mais facilmente a vida do antigamente.

Esta construção, feita sobre terreno arenoso, era das mais resistentes e flexíveis que se pode pensar. Estava projetada de tal forma que se um dos arcos viessem abaixo, os restantes suportariam o peso da cidade que foi construída acima. Inacreditável.

 

Inacreditáveis são também as filas que existiam para visitar o local: filas de 6 e 7 horas em apenas 2 ou 3 dias - os dias em que as galerias não se encontram inundadas.

 

Houve tempo ainda para curiosidades e o guia contou-nos uma história muito engraçada: Os típicos portugueses destacavam-se bem nas filas: as filas eram longas e demoradas e estes partilhavam de tudo, desde comida, a números de telemóvel, amizades que se faziam para a vida...

No meio da fila estava também um casal alemão, mas que por limitações da língua, não interagia com os restantes, estava apenas na fila.

 

O tempo foi passando, e a fila foi andando, até que chegou a vez dos alemães visitarem as galerias. A senhora sempre muito preocupada, chegou ao interior das mesmas e começou a chorar compulsivamente. O guia pensou que se tratasse de um ataque de pânico, devido à claustrofobia ou algo similar e depressa correu para a senhora a perguntar o que se passava.. 

No meio de algumas palavras em inglês e alemão lá conseguiu perceber que o único objetivo da senhora, seria apanhar o eléctrico 28, que pára mesmo ao lado das Galerias.

 

Conclusão: perderam um dia de férias pensando que estavam na fila para o elétrico... Uma lição a retirar?! Não se coloquem na fila se não souberem para o que ela realmente é, faz parte do ser humano imitar os comportamentos dos outros, principalmente em filas e ajuntamentos, neste caso, resultou num desperdício de um dia....

 

timthumb_3_1.jpg

 Se tiverem oportunidade, visitem!

Daltonismo

A propósito do texto de ontem, sobre o M não encontrar o frasco azul, houve muitas questões sobre o daltonismo. Ele não é daltónico, contudo, tenho dois grandes amigos que o são, e nunca me tinha apercebido da situação até um determinado momento.

 

Um dia no regresso da faculdade a altas horas, dá-se o seguinte diálogo no carro:

MT: Podes dizer-me rapidamente a cor do sinal?

Chic’ Ana: Está amarelo.

MT: Mas é daqueles que muda de cor?

Chic’ Ana: Não, acho que tem apenas uma cor intermitente. Podes passar, com cuidado.

 

MT: As cores daquele sinal mais à frente estão pela ordem correta?

Chic’ Ana: Sim, mas o que é que se passa? Não estás a ver bem?

MT: Estou cansado, mas essencialmente não distingo o verde do vermelho, oriento-me sempre pela ordem das luzes, sei que a primeira é sempre para parar, e a última para avançar.

Chic’ Ana: O quê? Já nos conhecemos há 4 anos e nunca me disseste nada?!

MT: E não tinha dito, mas estou realmente cansado e hoje a condução não está a ser automática…

Escusado será dizer que passei o resto da viagem a gritar verde ou vermelho!

 

 

Quando acabei a faculdade, juntei alguns amigos para me assinarem as fitas. A dada altura, dois deles trocam as fitas para lerem as dedicatórias e um deles sai-se com a seguinte questão:

Z: Olha, enganaste-te, colocaste aqui que a Ana tem os olhos azuis.

Chic’ Ana: Então, está certo.. eu tenho os olhos azuis.

Z: Hummm, então não são verdes claros?

Chic’ Ana: Não…. Mas….

Z: Pois, eu confundo um pouco as cores e como eu tinha a percepção que os teus são mais claros, sempre os atribuí a verde.

 

daltonico.jpg

 

E o que é isto do daltonismo? O daltonismo pode assumir também o nome de discromatopsia ou discromopsia. Consiste numa perturbação da percepção visual caracterizada pela incapacidade de diferenciar todas ou algumas cores, sendo que as mais frequentes de se baralhar são mesmo o verde e o vermelho. Esta perturbação tem normalmente origem genética, mas pode também resultar de lesão nos órgãos responsáveis pela visão, ou de lesão de origem neurológica.

Esta perturbação é mais comum de ser encontrada no sexo masculino, uma vez que o problema está geneticamente ligado ao cromossoma X. Como as mulheres têm dois cromossomas X, existe semrpe a possibilidade de um compensar o outro, o que explica a baixa incidência desse distúrbio entre as mulheres, contudo, também pode acontecer.

 

Querem saber se são daltónicos? Se conseguirem identificar todos os números na imagem abaixo, não são, se tiverem dificuldade em identificar todos ou algums, podem ter uma espécie de daltonismo.

 

test-daltonismo-590x452.jpg

 

Bem sei que o post é grandinho, mas têm o feriado também para o ler! Divirtam-se e até sexta =)

Chicana Política

Está uma pessoa a jantar calmamente e a ver o noticiário quando o Jerónimo de Sousa se prepara para discursar. Ok, este assunto é para escutar, portanto, posso comer mais uma colherada de sopa. Até que oiço:

 

PCP diz que não dá para "peditório" da "chicana política"

 

Engasguei-me, e pensei que não poderia ter ouvido bem.. Mas não! Lá estava em letras garrafais! Chicana Política?

 

Analisando esta noticia ao pormenor só me salta uma interpretação à mente: Jerónimo de Sousa consulta a Chic' Ana com frequência, tanta, que até usa o meu nome misturado com os temas políticos. 

Será que pensou que eu estava a efetuar um peditório para ter o Mercedes e decidiu insurgir-se contra mim? Assim em direto para todo o país??

 

Será que vou ter visibilidade internacional e a Mercedes me vai conceder um modelito para experimentar e ser a sua cara em Portugal? Uma coisa vos garanto, se o Mercedes sobreviver a mim, sobrevive a qualquer coisa!

 

Bom, sonhos à parte, eis que surge o M que vai investigar o que significa chicana.

 

M: Tu já sabias o que significava chicana?

Chic' Ana: Não faço a mínima ideia, nem sabia que existia tal palavra!

 

Chicana: Dificuldade criada pela apresentação de um argumento com base em um detalhe ou ponto irrelevante; 

 

M: Escolheste na perfeição. Tu realmente só crias dificuldades tendo por base algo irrelevante, um pequeno detalhe que aos outros passa despercebido. Queres um exemplo? Ias avariando o aspirador porque avistaste um simples cabelo inofensivo na banheira.

 

E pronto, toma lá que ele ainda não se esqueceu de tal coisa!

  

Vocês já sabiam disto e ninguém me disse nada?! A humanidade está perdida.. Deixam-me andar por aí com um nome destes! Auto intitulei-me de dificuldade!!

post111.jpg

Cães com dupla personalidade?

Aqui há uns tempos mudou-se um casal para o bairro com dois cães pequenos.

Eles têm um amor sem igual pelos animais que eu admiro: estão sempre impecáveis, lustrosos e bem cheirosos, adoram conversar sobre eles… Eu sempre que os vejo na rua delicio-me a fazer umas festinhas e são sempre muito simpáticos, nunca ladram, exceto quando querem mais festas, enrolam-se nas minhas pernas, eu adoro aquela dupla maravilha..

 

Maravilha que pelos vistos é um pesadelo para alguns. Eu nem queria acreditar no que me contaram ontem:

  • Eles agem em dupla: atacam todos os cães que apanham – não sei como é que isto é possível, eles são uns minorcas;
  • Incomodam os vizinhos intrometendo-se em todas as casas que encontram de porta aberta;
  • Em casa ladram o tempo T-O-D-O! Com um latir estridente que penetra nos ouvidos fazendo com que todos sintam necessidade de fugir..

 

Ao que parece já confrontaram a senhora e segundo ela, já recorreu a um terapeuta de cães que lhe disse que o problema da Gigi e do Lulu (atenção que eu moro num bairro chic’ daí os nomes serem normais) era o elevador. Pois, os cães desenvolveram um complexo com este bem tão essencial para quem habita as frações mais elevadas, e, segundo o especialista, sempre que o elevador emite um barulho eles largam numa chinfrineira que ninguém aguenta.

 

Ora, já que os elevadores não estão constantemente em movimento e os cães estão sempre a ladrar (exceto quando me vêem – situação que eu tenho de tentar esclarecer – será que por parecer um caniche quando tenho o cabelo molhado pensam que sou um deles?), há aqui um problema mais grave que os elevadores. A senhora não pode estar na casa de banho, que a Gigi fica a ladrar do lado de fora, o dono não pode ouvir jogos de futebol que o Lulu fica possuído, não podem cozinhar porque os cães não gostam da cozinha…

 

Meus amigos, os cães não têm mais que 40cm….

 

22.jpg

Sabias que..? (Assobio)

Pois é, parece que já não há qualquer desculpa plausível para que não se desenvolva a arte do assobio.

 

A Sociedade Artística Musical dos Pousos (SAMP), em Leiria, abriu este ano um curso de assobio. A proposta teve origem numa aluna que pretendia percorrer vários estilos musicais, do pop ao rock, do soul ao reggae, dando um novo sopro a esta particularidade que desenvolve desde criança.

 

Vi a reportagem na televisão, e.. não sei muito bem o que pensar! Principalmente eu, que não tenho o mínimo jeito para assobiar, e que para o tentar fazer pareço uma avestruz a esticar o pescoço e a encher o peito de ar... É um espectáculo que só filmado!!

 

dating-flirt-flirtation-flirting-whistle-whistling

 

Mas houve uma vez, entre milhares, em que fui bem sucedida, ora vejam:

K: Ana, és tu que estás a fazer este barulho?

Chic' Ana: Sim, sou eu!

K: Ena, estás a ficar cada vez melhor a assobiar.

Chic' Ana: K, estou com um ataque de asma!!

Sabias que..?

Pois é, há já bastante tempo que não vos revelava uma curiosidade, e parece que esta já tem muitos anos de existência. Do que é que vamos falar hoje? Da acupuntura em animais ou acupuntura veterinária!

Estima-se que esta existe desde a antiguidade, apenas não tinha um nome tão pomposo…Ora vejam!

 

9306183_orig.gif

 

Atualmente são ministrados muitos cursos em Portugal, e há cada vez mais pessoas interessadas nesta prática, quer na sua aprendizagem, quer na aplicação aos seus animais de estimação. Esta técnica consiste na aplicação de agulhas em determinados pontos do corpo, com o pressuposto de que cada um está ligado diretamente a um órgão e que, quando estimulados, fornecem uma resposta positiva, seja em episódios dolorosos, seja em diversas doenças.

 

Para que pode ser utilizada?

  •  doenças músculo-esqueléticas
  • doenças dermatológicas
  • doenças do foro psíquico
  • doenças pulmonares
  • doenças gastrointestinais
  • doenças neurológicas
  • doenças geniturinárias
  • doenças cardiovasculares

 

Atenção, não tentem efetuar isto em casa, procurem sempre a ajuda de um especialista!

E para quem diz mal dos porcos-espinhos, pensem duas vezes, eles apenas são médicos especializados do mundo animal, que querem contribuir para o bem comum: os animais não estão mortos, estão apenas a relaxar numa sessão múltipla de acupuntura!

 

 

1386071048porcupine.jpg

 

Profissões em Portugal.. Que futuro?

Ultimamente há muita gente que me tem perguntado qual o curso a seguir, quais as perspetivas de carreira e mais importante ainda, se devem optar entre o que realmente gostam de fazer e a rentabilidade. A minha opinião é a de que devem tentar conjugar as duas vertentes ao máximo: unir o gosto, e o perfil de cada um, à perspetiva de empregabilidade. Sejamos sinceros, toda a gente sabe que se o sonho for seguir a profissão de professor ou assistente social, mais vale escolheram outro curso dentro da mesma área, ou não, que tenha mais saídas profissionais asseguradas.

 

Uma antiga professora de secundário sempre me disse: “Ana, o que é que nunca irá acabar? Pessoas e Máquinas! Se escolher algo dentro destas duas áreas não terá qualquer problema”. E é verdade, hoje estive a consultar as profissões em falta em Portugal, atenção, porque mesmo com a crise instalada no panorama nacional, ainda há muitas profissões com falta de mão de obra especializada. São elas:

 

  • Área Tecnológica: Redes, Programação, Analistas de Sistemas;
  • Gestores de Risco e Controllers de Gestão;
  • Marketing Relacional e E-commerce;
  • Operações e Logística;
  • Automação;
  • Saúde - Medicina;
  • Turismo.

 

Todos estes cursos exigem esforço e dedicação, uns mais que outros, é verdade. Mas não é preferível procurar a dificuldade nestes anos ao invés do facilitismo e termos mais oportunidades no futuro?

ibge-pedagogia-texto-q-58.jpg

 

 

Sabias que..?

Não fique pendurado, Leve uma mola para todo o lado!

 

Estava eu a navegar pela internet quando me deparei com uma solução milagrosa para todos os males: a mola da roupa!

woman-creative-hairstyle-clothespins-27001342.jpg

 

Pois é, quem diria.. Não, não vos vou dar uma aula de como estender a roupa (admito que precisava de umas dicas), mas sim dar-vos a conhecer mais uma alternativa para as dores do corpo. A reflexologia acredita que estimulando determinadas zonas da orelha, através da pressão, estamos a influenciar o sistema nervoso central e este irá reagir combatendo a dor existente.

 

orelha.bmp

 

     Ponto 1: Ombros e Costas;

     Ponto 2: Orgãos Internos;

     Ponto 3: Articulações;

     Ponto 4: Garganta e Sinusite;

     Ponto 5: Digestão;

     Ponto 6: Cabeça e Coração.

 

 

Quanto a mim, só mesmo experimentando, mas cuidado, não fiquem demasiado tempo com a mola na orelha, porque senão a dor muda de local!

Fonte original aqui.

Sabias que..?

Fiquei de queixo caído quando, numa divagação pela internet, li que duas pessoas poderão habilitar-se ao prémio de passar a noite de Halloween nas famosas Catacumbas de Paris, sendo que serão as primeiras a usufruir de semelhante experiência.

 

Para concorrer é muito fácil, podes aceder aqui, e, se fores bem sucedido, acabar a dormir acompanhado por 6 milhões de almas, a 20 metros de profundidade. O arrepiante programa inclui (para além da noite): visita privada pelo labirinto de ossos e caveiras, um jantar delicioso com concerto associado e histórias de des(encantar) à hora de deitar. Então como é? Vais arriscar?

 

Regras a cumprir: Não tentar evocar maus espíritos e não perseguir os fantasmas pelas galerias, pois poderás perder-te. Recado: Nada de os incomodar!

 

calvin&harodotira565.gif

 

Rápido, as inscrições terminam a 20 de Outubro.. Quanto a mim, bom, deixo para os leitores mais corajosos! Boa sorte, ou será antes… azar?

 

Sabias que..?

Se tiveres um carro do grupo Volkswagen (Audi, Skoda e Seat incluídos), já podes verificar se este se encontra afetado pelo escândalo dos últimos dias. 

 

Para isso, basta acederes ao site da SIVA  e preencher o número do chassis do veículo, que se encontra no livro de manutenção ou na parte inferior do pára-brisas. Em Portugal estimam-se que existam cerca de 94.400 carros afetados com este problema.